Imprensa - ASA na Mídia
21.03.2017
As Sementes da Paixão garantem a vida no semiárido paraibano
Site - Projeto Alimento

Na região do Cariri, considerada a mais seca do estado da Paraíba, existe uma diversidade de sementes que vêm sendo guardadas há várias gerações por agricultores e agricultoras. Essas sementes resistem ao tempo e ao clima. Elas garantem alimentos e sementes para o próximo plantio. São as chamadas Sementes da Paixão. Para saber um pouco mais sobre a importância dessas sementes, conversamos com Gloria Araújo, em Campina Grande, Paraíba. Ela faz parte da coordenação da Articulação Semiárido Paraibano e da Articulação Semiárido Brasileiro e explica como é feita a preservação das sementes crioulas em todo Semiárido Brasileiro.

Ler mais


09.03.2017
Mulheres em marcha também no Semiárido
Site - Marco Zero

Não foi só nas capitais que as mulheres foram às ruas protestar contra o machismo e por direitos iguais. No Semiárido paraibano, mais de cinco mil mulheres agricultoras do Polo da Borborema tomaram a cidade de Alagoa Nova durante a 8ª Marcha Pela Vida das Mulheres. Esse ano, a mobilização pelo fim da Cultura do Estupro e contra a Reforma da Previdência.

Ler mais


01.03.2017
Sertão da Paraíba recebeu mais de 74 mil cisternas em 15 anos, diz ASA
Site - G1 PB

Segundo entidade, programa beneficiou 345 mil pessoas no Semiárido. Trabalho começou mais de um século depois das ações do padre Ibiapina.

Ler mais


29.01.2017
Mulheres de Caraúbas vencem o machismo para viverem da agricultura
Inter TV - Mossoró

Como a força do trabalho tem mudado a vida de um grupo de mulheres em Caraúbas. Juntas, elas venceram o machismo, conquistaram um espaço e, é claro, boas condições para viver da agricultura.

Ler mais


10.01.2017
Adeus às secas com milhões de mortos
Site - Envolverde

Ouricuri, Brasil – A seca que, desde 2012, castiga a região semiárida do Nordeste do Brasil já é mais severa do que a registrada entre 1979 e 1983, a mais prolongada do século 20. Mas agora não causa as tragédias do passado. Não estão ocorrendo as mortes em massa por fome e sede, nem o êxodo de multidões castigadas pela falta de água, que invadiam cidades e saqueavam seus comércios, ou buscavam melhor sorte em terras distantes no centro-sul, região mais desenvolvida do país.

Ler mais


Filtre as publicações

Isso facilitará a sua busca